lai

Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

Página Inicial Assessoria de Comunicação Notícias Hemoce apóia pesquisas realizadas pela Faculdade de Farmácia da UFC
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Hemoce apóia pesquisas realizadas pela Faculdade de Farmácia da UFC
Ter, 03 de Janeiro de 2017 11:24

Parceria entre as instituições rendeu três TCC no último semestre; pesquisas realizadas no Hemoce ganha destaque em publicações internacionais

Além dos processos de coleta e beneficiamento de hemocomponentes; atendimento ambulatorial para pessoas com coagulopatias e hemoglobinopatias; coleta e transplante de medula óssea e banco de sangue de cordão umbilical, o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará – Hemoce, é uma instituição de pesquisa tanto para alunos de graduação quanto pós graduação. Neste mês, foram apresentados e aprovados na Universidade Federal do Ceará (UFC), três Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) que tiveram suas pesquisas realizadas no Hemoce.

Todos são do curso de Farmácia, da Faculcade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem (FFOE) da UFC. Um dos trabalhos (Perfil epidemiológico e sorológico dos doadores de sangue autoexcluídos do Hemoce), analisa, com base nas amostras de sangue coletadas, a relação entre o voto de autoexclusão (quando o candidato à doação declara, após entrevista, não se encaixar em algum dos critérios) e os resultados dos testes sorológicos.

Outro, intitulado “Frequência dos antígenos eritrocitários na população de doadores fenotipados do hemocentro-coordenador de Fortaleza”, se propõe a mapear fenótipos dos diferentes sistemas de classificação do sangue e, baseada nestas informações, traçar características da população.

O último (Perfil dos doadores inaptos em coleta externa e estratégias para estimular o retorno desses doadores), avalia o perfil epidemiológico dos candidatos à doação de sangue considerados inaptos em campanhas de coletas externas realizadas em um evento religioso em Fortaleza.

Pesquisas ganham destaque no exterior

Recentemente, pesquisadores do Hemoce conseguiram conseguiram um feito até então inédito no Brasil: ocupar a capa do British Journal of Haematology (BJH), umas das publicações científicas mais prestigiadas do mundo e a principal de hematologia da Europa, com um relato de caso.

Em novembro, uma outra pesquisa realizada pelo Hemoce, com colaboração de pesquisadores da Colsan – Associação Beneficente de Coleta de Sangue de São Paulo e do Hemocentro de Campinas, ligado à Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), foi destaque em outra publicação científica de renome mundial, a revista Transfusion, dos Estados Unidos.

Nesta, houve a identificação e descrição de um tipo raro de sangue do sistema sanguíneo KELL que apresenta ausência de antígenos (substâncias capazes de levar a reações transfusionais e que interferem na compatibilidade sanguínea).  A alteração foi descrita pela primeira vez no mundo e foi destaque no Congresso da Associação Americana de Bancos de Sangue, que ocorreu em outubro de 2016 em Orlando, Flórida.

Saiba mais: http://www.hemoce.ce.gov.br/index.php/item-c-sub-item/noticias/48096-pesquisa-realizada-no-hemoce-e-destaque-em-publicacao-britanica

 

TUNAY MORAES PEIXOTO
Assessoria de Imprensa - Hemoce
(85) 99947.7234 / 3101.2308
 

Calendário

Agosto 2020
D 2a 3a 4a 5a 6a S
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31 1 2 3 4 5