lai

Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

Página Inicial Assessoria de Comunicação Notícias Começa Campanha Nacional de Doação de Sangue
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Começa Campanha Nacional de Doação de Sangue
Ter, 15 de Junho de 2010 09:04


O Brasil precisa aumentar o estoque anual de bolsas de 3,5 milhões para pelo menos 5,7 milhões

O Ministério da Saúde lançou ontem, dia 14 de junho, Dia Mundial do Doador Voluntário de Sangue, uma nova campanha de incentivo à doação de sangue. Com o lema “Doe sangue, faça alguém nascer de novo”, a campanha vai mostrar, até o próximo dia 30, como esse gesto de amor pode salvar vidas.

Cada vez mais a demanda por sangue cresce nos hemocentros. O aumento de 58,3% nos transplantes de medula óssea (entre 2003 e 2009) e o crescimento da população estão entre os fatores que  fazem o país precisar cada vez mais de sangue para transfusão. São coletadas por ano 3,5 milhões de bolsas de sangue no Brasil, quando o ideal seria 5,7 milhões.

No Brasil, 1,9% da população é doadora de sangue. Mesmo com percentual dentro dos parâmetros da Organização Mundial de Saúde (OMS) – de 1% a 3% da população – o Ministério da Saúde considera que é urgente e possível aumentar o número de brasileiros doadores: se cada pessoa doasse duas vezes ao ano, não faltaria sangue para transfusão no país.


OUTRAS INFORMAÇÕES IMPORTANTES

Para doar sangue é necessário:
Sentir-se bem, com saúde; apresentar documento com foto, válido em todo território nacional; ter entre 18 e 65 anos de idade; ter peso acima de 50Kg.

Recomendações para o dia da doação:
Nunca vá doar sangue em jejum; faça um repouso mínimo de 6 horas na noite anterior a doação; não ingerir bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores; evitar fumar por pelo menos 2 horas antes da doação; evitar alimentos gordurosos nas 3 horas antecedentes a doação; Interromper as atividades por 12 horas as pessoas que exercem profissões como: pilotar avião ou helicóptero, conduzir ônibus ou caminhões de grande porte, subir em andaimes e praticar pára-quedismo ou mergulho.

Quem não pode doar:
Quem teve diagnóstico de hepatite após os 10 anos de idade; mulheres grávidas ou amamentando; pessoas que estão expostas a doenças transmissíveis pelo sangue como AIDS, hepatite, sífilis e doença de chagas; usuários de drogas; aqueles que tiveram relacionamento sexual com parceiro desconhecido ou eventual, sem uso de preservativos.

Onde doar:
Hemocentro Coordenador de Fortaleza: (85) 3101.2296
Posto de Coleta no Instituto Doutor José Frota – IJF: (85) 3101.5293
Unidade Móvel do Hemoce: realiza coletas externas de segunda a sábado
(calendário disponível no site www.hemoce.ce.gov.br)
Hemocentro de Sobral: (88) 3677.4624/3677.4627
Hemocentro do Crato: (88) 3102.1260 / 3102.1261
Hemocentro de Iguatu: (88) 3581.9409 / 3581.9408
Hemocentro de Quixadá: (88) 3445.1006 / 3445.1010
Hemonúcleo de Juazeiro do Norte: (88) 3102.1169 / 3102.1170


Clique aqui para conhecer o material publicitário da campanha.

*Com informações do Ministério da Saúde

 

Calendário

Agosto 2020
D 2a 3a 4a 5a 6a S
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31 1 2 3 4 5